O raio do mau feitio...

Tenho mau feitio...não há nada a fazer...E hoje, talvez devido a ter dormido mal, e também porque ando com uma enxaqueca que teima em andar atrelada a mim há quase uma semana, estou particularmente mal humorada. E nestes dias, ando calada.

Fui almoçar com os meus pais, e a minha ao ver-me tão calada pergunta:

 

Mãe- O que é que tens?

Eu- Nada.

Mãe- Tens sim, diz lá o que é que tens?

Eu- Já disse que nada...(num tom de voz meio agressivo)

Mãe - Só fiz uma pergunta...não era preciso responderes-me assim.

 

Fiquei logo cheia de remorsos, porque realmente não era preciso responder assim. Bastava dizer que estava de mau humor...

 

Passado um bocado:

 

Eu: Estás zangada comigo?

Mãe: Mas eu alguma vez me zango contigo? Parece que é parva a miuda!

 

Ainda com mais remorsos fiquei...realmente uma mãe tudo perdoa.

A caminho de casa vinha a matutar nisso, e deu-me um género de um ataque de ansiedade e pânico ao mesmo tempo: A minha mãe já não caminha para nova, até porque eu já vim fora de horas. E sinto um aperto no peito só de pensar que, pela lei da natureza, ela não vai estar cá para assistir a algumas etapas da vida do piolho...e eu não consigo sequer tentar imaginar a minha vida sem a minha mãe...

 

Cheguei a casa e liguei-lhe a pedir desculpa e a dizer que a amava...ela chamou-me parva outra vez....

 

tags: ,
desabafo por F. às 18:15
link do post | Diz aí | favorito